Sindicato dos Bancários de Dourados (MS) completa 40 anos

Entidade foi criada em plena ditadura militar para organizar e defender os interesses da categoria

No domingo (20), o Sindicato dos Bancários e Trabalhadores do Ramo Financeiro de Dourados e Região completa 40 anos de lutas, resistência e conquistas para a categoria e trabalhadores em geral.

A entidade foi criada em plena ditadura militar, no dia 7 junho de 1979, quando um grupo de bancários e bancárias criou a Associação Profissional dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Dourados. Quatro meses depois, no dia 20 de outubro, com presença de 255 bancários, aconteceu a assembleia geral extraordinária que transformou a associação em Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Dourados.

Em seu site, o sindicato afirma que “a história nos ensina que, para o povo trabalhador ter seus direitos garantidos, só a luta persistente e a sólida organização produzem conquistas”.

“A principal tarefa do movimento sindical é organizar os trabalhadores na luta pelos seus direitos. O Sindicato dos Bancários de Dourados está de parabéns, pois, desde sua fundação, em diálogo com as questões sociais da região, tem defendido os interesses da categoria que representa e feito seu papel de sindicato cidadão, na defesa de toda a classe trabalhadora”, afirmou o secretário geral da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), Gustavo Tabatinga.

“Essa cidadania sindical também é vista em sua articulação nacional, o que contribui para a manutenção da unidade do movimento sindical bancário em todo o país. Essa unidade é fundamental para a consolidação da Convenção Coletiva da categoria, que, garante os mesmos direitos para os bancários brasileiros”, completou o secretário geral da Contraf-CUT.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram