Dória descumpre promessa e pedágios ficam mais caros

Nas rodovias Imigrantes e Anchieta, que ligam a capital ao litoral, o valor vai para R$ 27,40, 1,20 real de aumento

Contrariando a promessa feita durante a campanha eleitoral, o governador João Dória autorizou o aumento do valor dos pedágios das estradas estaduais de São Paulo, estado com a maior malha privatizada do país. Os reajustes são em média de 4,66%. São 166 praças de pedágio de 19 concessionárias. Nas rodovias Imigrantes e Anchieta, que ligam a capital ao litoral, o valor vai para R$ 27,40, 1,20 real de aumento.

É o primeiro grande aumento de pedágios desde o princípio de uma greve de caminhoneiros em abril, a primeira no governo de Jair Bolsonaro. Em protestos que pararam o país em 2018, o valor dos pedágios foi duramente criticado.

Considerada uma das tarifas de pedágio mais caras do mundo, tendo um número de praças superior a todo o restante do país, o modelo de concessão da malha viária do estado de São Paulo permite que as empresas responsáveis pelas concessões das rodovias obtenham lucros superiores ao do próprio sistema financeiro brasileiro.

Segundo um levantamento realizado pela Austin Rating para o Monitor Mercantil, a rentabilidade média das 15 empresas analisadas foi superior ao do setor financeiro, com 30% de rentabilidade do patrimônio líquido das concessionárias ante os 20,3% conquistados pelos bancos.

Conheça as novas tarifas dos pedágios das rodovias estaduais de SP:

Rodoanel Mário Covas

Trecho Oeste: de R$ 2,00 para R$ 2,10;

Trecho Sul: de R$ 3,40 para R$ 3,50;

Trecho Leste: de R$ 2,50 para R$ 2,60.

Anchieta-Imigrantes

Anchieta (Riacho Grande): de R$ 26,20 para R$ 27,40;

Imigrantes (Eldorado): de R$ 3,60 para R$ 3,80;

Imigrantes (Piratininga): de R$ 26,20 para R$ 27,40.

Castello Branco

Barueri: de R$ 4,20 para R$ 4,40

Itapevi: de R$ 4,20 para R$ 4,40

Itu: de R$ 11,40 para R$ 11,80

Boituva: de R$ 9,40 para R$ 9,80

Tamoios

Jambeiro: de R$ 3,80 para R$ 4,00

Paraibuna: de R$ 7,40 para R$ 7,60

Ayrton Senna-Carvalho Pinto

Ayrton Senna (Itaquaquecetuba): de R$ 3,70 para R$ 3,90;

Ayrton Senna (Guararema): de R$ 3,50 para R$ 3,60;

Carvalho Pinto (São José dos Campos): de R$ 3,50 para R$ 3,60;

Carvalho Pinto (Caçapava): de R$ 3,60 para R$ 3,70

Anhanguera

Anhanguera (Perus): de R$ 9,20 para R$ 9,60;

Anhanguera (Valinhos): de R$ 9,10 para R$ 9,50;

Anhanguera (Nova Odessa): de R$ 8,10 para R$ 8,40;

Anhanguera (Limeira): de R$ 6,10 para R$ 6,40;

Anhanguera (Leme): de R$ 7,60 para R$ 7,90;

Anhanguera (Pirassununga): de R$ 7,60 para R$ 7,90;

Anhanguera (Santa Rita do Passa Quatro): de R$ 7,30 para R$ 7,60;

Anhanguera (São Simão): de R$ 7,30 para R$ 7,60.

Bandeirantes

Bandeirantes (Caieiras): de R$ 9,20 para R$ 9,60;

Bandeirantes (Campo Limpo): de 9,20 para R$ 9,60;

Bandeirantes (Itupeva): de R$ 9,10para R$ 9,50;

Bandeirantes (Sumaré): de R$ 8,10 para R$ 8,40;

Bandeirantes (Limeira): de R$ 6,10 para R$ 6,40.

Cônego Domênico Rangoni

Santos: de R$ 12,20 para R$ 12,80

Padre Manoel da Nóbrega São Vicente: de R$ 7,20 para R$ 7,60.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram