Contraf-CUT recebe alerta da ANPT sobre golpe contra entidades sindicais

A Contraf-CUT recebeu ofício da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho – ANPT, entidade que representa os membros do Ministério Público do Trabalho em todo o Brasil alertando para o fato de que está havendo utilização indevida do nome da entidade, com o intuito de aplicar golpes em entidades sindicais.

Segundo a ANPT o golpe consiste em ligações telefônicas e e-mails para pedir contribuições financeiras para suposta confecção de publicações trabalhistas ou para prestação de serviços de consultoria jurídica e/ou arquivamento de procedimentos no âmbito do MPT. Não raro, seguidos de algum tipo de ameaça de representações à Justiça ou algum outro tipo de envolvimento em operação de investigação.

No ofício, com data de 3 de fevereiro, a ANPT informa que está tomando as medidas jurídicas cabíveis.

A Contra-CUT alerta os sindicatos e federações que se trata de quadrilhas de estelionatários, organizadas nacionalmente com o objetivo de lesar as entidades mediante ameaças e orienta para que, no caso de receber ligações ou mensagens deste tipo, desconsiderar sumariamente. Os dirigentes e funcionários das entidades devem ser comunicados para que a prática não repercuta internamente.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram