Contraf-CUT assina acordo coletivo com a Poupex

A Contraf-CUT e o Sindicato dos Bancários de Brasília assinaram nesta segunda-feira (14) o acordo coletivo de trabalho 2015/2016 com a Poupex. A proposta, que havia sido aprovada pelos funcionários em assembleia realizada em novembro, garante reajuste de 10% (0,12% acima da inflação) nos salários e demais verbas, excetuando-se o tíquete/cesta alimentação, que serão corrigidos com percentual de 14% (4,12% acima da inflação).

Embora não seja associada da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), a Poupex seguiu o mesmo índice conquistado pelos demais bancários, acordo que vem sendo cumprido há vários anos. 

A proposta aprovada engloba o pagamento de abono único no valor de R$ 4.043,58 ao empregado admitido até 31 de dezembro de 2014. Esse valor será pago em duas parcelas, cada uma de R$ 2.021,79 nos meses de janeiro e junho de 2016.

Participação nos Resultados

A Poupex também pagará Participação nos Resultados (PR) a todo empregado admitido até 31 de dezembro de 2014, correspondente a 90% do salário-base mais verbas fixas de natureza salarial reajustadas em setembro deste ano, acrescidas do valor fixo de R$ 2.021,79, dividido em duas parcelas. A primeira parcela foi paga em setembro e a segunda será paga em fevereiro de 2016, juntamente com a diferença decorrente do reajuste de 10%.

A Contraf-CUT também participou da assinatura do acordo, através de seu presidente, Roberto Von der Osten, uma vez que tem abrangência nacional. "Consideramos muito importante a assinatura deste acordo, pois a Contraf-CUT deve representar todos os trabalhadores de todos os setores do ramo financeiro", destacou.

“Mais uma vez, tivemos uma negociação positiva com a Poupex. Os bancários da instituição  estão de parabéns pela campanha vitoriosa”, afirmou o presidente do Sindicato, Eduardo Araújo.

 

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram