Bancários paralisam agência do Bradesco em Mogi

Unidade teve sua abertura retardada em repúdio aos cortes que vêm sendo feitos pela instituição

O Sindicato dos Bancários de Mogi e Região fez uma paralisação parcial na manhã desta terça-feira (28 de maio) na agência 0148 do Bradesco, em Mogi, em protesto contra as constantes demissões, falta de funcionários e por melhores condições de trabalho. A unidade teve sua abertura retardada em repúdio aos cortes que vêm sendo feitos pela instituição.

A demissão sem motivo de um bancário de carreira, na tarde de segunda-feira (27), motivou a manifestação dos funcionários. O fato pegou todos de surpresa e causou indignação entre os demais trabalhadores da agência, que sofrem com as pressões e sobrecargas de trabalho, que se agravam com a falta de reposição do quadro de funcionários.

“As demissões estão sendo cada vez mais frequentes e sem motivos, deixando os funcionários, que já forem com as constantes cobranças por metas e acúmulo de tarefas, ainda mais apreensivos e inseguros. Cobramos explicações da regional do Bradesco sobre essas demissões e também garantias para que os funcionários que ficam não sejam penalizados ainda mais com o excesso de trabalhos e temerosos quanto ao futuro”.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram