Bancários de Chapecó fazem ato contra o desmonte do BB

Bancários de todo o país realizaram, na última sexta-feira (19), atos nas agências para alertar sobre o desmonte do Banco do Brasil. Em Chapecó, dirigentes sindicais entregaram uma carta aberta aos funcionários e à população.

Há cerca de um ano, o banco fechou mais de 500 agências e transformou outras 400 em postos de atendimento, além de cortar quase 10 mil postos de trabalho. Agora, no início de 2018, o BB anuncia uma nova reestruturação, com fechamento de várias unidades e corte de 1.200 caixas nas agências.

A reestruturação implementada precariza o atendimento ao cliente e aumenta a sobrecarga dos funcionários. Com as mudanças que retiram cargos, muitos empregados estão sendo obrigados a assumir funções com salários reduzidos.

O movimento sindical está em constante negociação com o banco para cobrar a solução de problemas decorrentes da reestruturação, para reverter perdas e impedir que direitos sejam retirados.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram