Bancários de Caxias do Sul protestam contra intransigência dos bancos

O Sindicato dos Bancários de Caxias do Sul e Região realizou na manha desta quinta-feira, 22, uma caminhada pelo centro de Caxias do Sul até São Pelegrino, com paradas em agências bancárias localizadas pelo trajeto.

Foram cerca de duas horas de protesto, que iniciou na agência central da Caixa Econômica Federal, percorreu as agências do Santander, Bradesco, Itaú e Banrisul localizadas no trajeto da Avenida Júlio de Castilhos e encerrou na agência do Banco do Brasil da Rua Feijó Jr., no bairro São Pelegrino. Durante o trajeto foi entregue uma carta aberta à população, onde explicam o porquê da greve dos trabalhadores e colocam à disposição todos os números 0800 dos bancos e Fenaban.

O coordenador da secretaria de Organização e Política Sindical do sindicato caxiense, Nelso Bebber, encerrou o protesto afirmando que a intransigência dos donos dos bancos é a causadora da greve. “Enquanto os cinco maiores bancos contabilizaram o lucro de R$ 29 bilhões somente nos seis primeiros meses deste ano, a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) oferece apenas 7% de reposição nos nossos salários. Isso não contempla nem mesmo a inflação! Desde o dia 9 de setembro os banqueiros vêm acenando com esta mesma proposta e não respeitam a luta dos bancários. Queremos aumento salarial e nenhum direito a menos.”

A caminhada também denunciou a tentativa de retirada dos direitos dos trabalhadores, que está sendo tramada no Palácio do Planalto e Câmara Federal.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram