Bancários de Campos dos Goytacazes colhem assinaturas contra a reforma da Previdência

Projeto do governo, que representa o fim da aposentadoria para milhões de trabalhadores, ainda pode ser barrado

O Sindicato dos Bancários de Campos dos Goytacazes e Região, que representa a base em oito municípios do Norte e Noroeste do Estado do Rio, segue colhendo assinaturas contra a reforma da Previdência. Nesta quarta-feira, 24, a atividade foi na Avenida Pelinca, segundo principal centro financeiro de Campos. O abaixo-assinado será entregue à Contraf-CUT no início de agosto, durante a 20ª Conferência Nacional que será realizada em São Paulo.

Apesar de já ter passado em primeiro turno na Câmara dos Deputados, o projeto do governo, que representa o fim da aposentadoria para milhões de trabalhadores, ainda pode ser barrado. “Seguimos lutando, ampliando a mobilização, dialogando com as pessoas, mostrando o quanto esta reforma é injusta e desnecessária. Se for aprovada vai aumentar as desigualdades e piorar a crise econômica e social que já estamos vivendo”, disse o presidente do Seeb Campos dos Goytacazes e região, Rafanele Alves Pereira.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram