Bancários de Campos dos Goytacazes aprovam contribuição sindical solidária

O Sindicato dos Bancários de Campos dos Goytacazes e Região, que representa a categoria em oito cidades do Norte e Noroeste do Estado do Rio, aprovou na noite desta terça-feira, 20, por unanimidade, a contribuição sindical solidária. A decisão da assembléia reforça o compromisso da entidade com o direito dos trabalhadores de escolher livremente de que forma querem garantir a sustentação financeira do seu Sindicato.

A reforma trabalhista do governo Temer, com seu conjunto de medidas que representam retrocesso nos direitos conquistados pela classe trabalhadora brasileira ao longo dos últimos anos, também prevê o fim do imposto sindical obrigatório. Essa era uma pauta sempre defendida pela CUT e a partir de agora a contribuição passa a ser não mais uma imposição, mas uma decisão da base.

"O objetivo do governo era de enfraquecer os sindicatos, mas a resposta dos trabalhadores em todo o país tem sido o de fortalecer as entidades que representam os interesses das categorias profissionais", disse Rafanele Alves, presidente do Seeb Campos dos Goytacazes.

 

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram