Bancários cearenses mobilizam centro administrativo do BNB durante o 30º dia de greve

Os bancários da sede administrativa do BNB, no Passaré, estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, 5/10, na praça Jáder Colares, em ato conjunto do Sindicato dos Bancários do Ceará e Associação dos Funcionários do BNB (AFBNB), quando puderam debater, sugerir e esclarecer dúvidas sobre a greve que já chega aos seus exatos 30 dias.

No final da tarde desta quarta, 5, a partir das 17h, está agendada mais uma rodada de negociação entre a Fenaban e o Comando Nacional, convocada pelos banqueiros, em São Paulo. Logo depois, às 19h, as direções dos bancos federais, BB, CEF e BNB, também devem sentar para negociar com os bancários. Neste 30º dia de greve, a paralisação seguiu forte com o fechamento de 432 das 562 agências existentes, representando adesão de 76,8%.

Durante o ato, os dirigentes das duas entidades convocaram o funcionalismo do Banco à resistência e à luta até o fim da greve. “Se no primeiro dia já era importante a adesão de cada um, agora, com 30 dias, o fortalecimento da greve é mais importante ainda, pois estamos num momento crucial da nossa luta. A convocação de uma nova rodada de negociação é uma grande vitória, pois demonstra que os banqueiros estão entendendo que a categoria não vai admitir contribuir com o famigerado ajuste fiscal do governo golpista. Essa é a hora de engrossarmos a nossa luta. Temos de ser protagonistas da nossa história e tomarmos na nossa mão a luta por nossas conquistas e em defesa dos nossos direitos”, concluiu Tomaz de Aquino, diretor do Sindicato e coordenador da Comissão Nacional dos Funcionários (CNFBNB), que assessora a Contraf nas negociações.

 

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram