Atividades em três agências marcam Dia de Luta do BB na base de Apucarana

Com atividades realizadas hoje (13/02) em três agências, a diretoria do Sindicato de Apucarana participou do Dia Nacional de Luta contra os descomissionamentos no Banco do Brasil

A diretoria do Sindicato dos Bancários de Apucarana promoveu atividades no Dia Nacional de Luta contra os descomissionamentos de funcionários do Banco do Brasil em três agências de sua base territorial.

Além de debater o problema com funcionários e funcionárias, foi distribuído nas agências de Apucarana, Arapongas e de Jandaia do Sul o informativo “O Espelho” abordando mais essa política de desrespeito que integra o processo de reestruturação que está sendo imposto ao banco.

José Roberto Brasileiro, presidente do Sindicato dos Bancários de Apucarana, disse que essa onda de descomissionamentos amplia o clima descontentamento já existente nas unidades por conta da sobrecarga de serviços, metas abusivas e incertezas quando ao futuro.

“Não dá para admitir esse descaso do banco com os critérios estabelecidos para a GDP (Gestão de Desenvolvimento por Competências), deixando que superintendentes possam pedir a retirada de funções de funcionários que nem mesmo conhecem”, critica Brasileiro, salientando que assim o BB inverte o papel dessa ferramenta, que passou a ser utilizada como justificativa para descomissionar qualquer trabalhador.

Conforme prevê o Acordo dos funcionários do Banco do Brasil, Aditivo à Convenção Coletiva da categoria bancária, são necessárias três ciclos avaliatórios consecutivos de GDP com desempenhos insatisfatórios para levar à dispensa de função ou de comissão de funcionário do BB.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram