Arte e cultura serão utilizadas para combater fascismo em São Paulo

Um festival artístico gratuito e sem fins lucrativos reunirá músicos e artistas de outras modalidades no sábado (18), a partir das 13h, em São Paulo. O 1º Festival Antifascista e Pela Democracia vai reunir pessoas de diversas bandeiras de lutas populares, sociais e de resistência ao ódio social e ao preconceito contra populações discriminadas e também contra a ideologia neoliberal, que estimula o consumismo, a acumulação de riquezas e a busca pelo lucro a qualquer custo.

A iniciativa é da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região (Seeb-SP), que cede o espaço de sua sede regional nas imediações da avenida Paulista para a realização do evento.

“O evento é aberto para todos os públicos, mas é voltado para a juventude. Muitas pessoas não vivenciaram e nem têm conhecimento das barbaridades que aconteceram no Brasil, na América Latina e em todo o mundo em períodos de ditadura e de governos autoritários que pregavam o preconceito, o fechamento de fronteiras, o ódio e a violência contra pessoas, levando em conta a religião, origem, cor da pele, ou forma de pensar”, explicou Fernanda Lopes, secretária da Juventude da Contraf-CUT.

“Não queremos mudar o pensamento de ninguém, queremos apenas mostrar que existem pessoas que têm formas diferentes de pensar a sociedade e que todas devem ser respeitadas”, concluiu a dirigente da Contraf-CUT.

O festival
As atrações se apresentarão, a partir das 13h, na sede regional Paulista do Seeb/SP, localizada na rua Carlos Sampaio, 305, a uma quadra do metrô Brigadeiro). Entre as atrações confirmadas, estão as bandas Vila Morena, Mistura Popular, Os Ditos, O Contexto, Diego Moares e Voltera. A atriz Wanessa Sabbath fará uma apresentação poética de “Abayomi a primeira boneca de pano do mundo”, com sonoplastia de Dandara de Aruanda e a participação especial do BBoy Pitico. Também haverá espaço para exposição e venda de produtos artesanais, como as bonecas negras de pano.

A parte de alimentação ficará por conta da Creative Commes Sanduíches Sobrenaturais, um coletivo vegano que milita contra a indústria de alimento e o desperdício de comida.

Serviço:
1º Festival Antifascista e Pela Democracia
18/08 (sábado), a partir das 13h
Rua Carlos Sampaio, 305
A uma quadra do metrô Brigadeiro

Programação das bandas:
13h     – Vila Morena
14h30 – Mistura Popular
16h     – Os Ditos
17h30 – Contexto
19h     – Diego Moraes
20h30 – Voltera

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram