Agências do Itaú Unibanco em Campinas param em defesa da PLR cheia

O Sindicato dos Bancários de Campinas e Região coordenou na terça 16, paralisação em sete agências do Itaú Unibanco em Campinas, no período das 7 às 11h. Durante o protesto os diretores do sindicato distribuiram carta aberta e jornal extra, onde é cobrado o pagamento da PLR cheia, de 2,2 salários, para todos os funcionários.

Para o diretor do sindicato e integrante da Comissão de Organização dos Empregados (COE), Mauri Sérgio, “o recado foi dado. O Itaú Unibanco não pode ter dois pesos e duas medidas. Ou seja, valorizar seus altos executivos em detrimento daqueles que contribuiram com o crescimento da instituição em 2009. Isso é inaceitável”.

Veja quem parou – agências do Itaú: Personalite, Nova Glicério, Glicério, Costa Aguiar e Jequitibá; agências do Unibanco: Glicério e General Osório.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram