Planos da Previ superam meta de rentabilidade em 2018

Diretoria apresentou bons resultados para Plano 1 e Previ Futuro

A diretoria da Previ apresentou, nesta sexta-feira (15), às entidades representativas do funcionalismo do Banco do Brasil os resultados do Plano 1 e do Previ Futuro em 2018, que superaram com sobras a meta atuarial de 8,61%. O Previ Futuro, que hoje já é um dos maiores planos de benefícios do mercado de previdência complementar fechada, teve rentabilidade acumulada de 14,06%, alcançando R$ 15,01 bilhões em ativos totais. O Plano 1 mais que duplicou a meta atuarial, apresentando rentabilidade de 18,82%, com um superávit de R$ 6,5 bilhões no ano e ativos de R$ 182,17 bilhões.

Os superávits apurados nos últimos exercícios, que reduziram sucessivamente o déficit anterior, a despeito da difícil conjuntura e do baixo crescimento econômico, mostram a solidez da Previ e a excelência da gestão, em razão sobretudo do modelo de governança que conta com a participação efetiva dos associados na administração dos planos, garantindo transparência e eficiência.

Por causa disso e em razão dos bons resultados, a Previ nunca precisou cobrar contribuições extraordinárias dos associados.

Previ Futuro

Os ativos totais do Previ Futuro cresceram 25% no ano passado, passando de R$ 12,08 bilhões para R$ 15,01 bilhões. O segmento que apresentou o melhor resultado foi o de Investimentos Estruturados, com rentabilidade de 38,64%, seguido de Renda Variável (17,66%), Renda Fixa (12,65%) e Imóveis (8,04%).

Em dezembro de 2018, o Previ Futuro tinha 85.865 associados, dos quais. 84.230 na ativa, 994 aposentados e 815 pensionistas. Pagou R$ 25,48 milhões em benefícios no ano e concedeu R$ 1,44 bilhão em Empréstimo Simples para 42.400 associados, além de R$ 230 milhões em financiamento imobiliário para 1.044 participantes.

Plano 1

Mais antigo plano de benefícios da Previ, o Plano 1 atingiu ativos totais no valor de R$ 182,17 bilhões em dezembro de 2018, com rentabilidade de 18,82%, mesmo pagando R$ 12 bilhões em benefícios para 81.730 aposentados e 21.258 pensionistas.

O Plano 1 concedeu no ano passado R$ 4,72 bilhões de Empréstimo Simples para 51.183 associados e R$ 3,65 bilhões em financiamentos imobiliários para 10.700 participantes.

O Coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, Wagner Nascimento, representou a Contraf-CUT na apresentação feita para as entidades.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram